HubSales

Categorias
MarketPlace

Como vender na internet para iniciantes: aprenda a colocar seus produtos nas maiores lojas online.

Iniciar a vender pela internet pode parecer um desafio enorme, já que se trata de um meio com práticas diferentes do que as que observamos no comércio físico.

O posicionamento no mercado funciona de outra maneira, os preços de concorrentes estão a poucos cliques de distância dos clientes, e tudo isso parece um problema enorme e cheio de questões técnicas sobre montagens de lojas virtuais e afins.

Mas não se preocupe, vamos explicar como facilitar todo esse processo e como você pode começar a vender na internet, mesmo que seja iniciante na área e não entenda muito sobre o ramo digital.

Começando a vender online nas maiores lojas virtuais

Para toda loja virtual, o tráfego se torna o oxigênio do negócio. Para um comparativo com as lojas físicas, os clientes em potencial encontram as lojas através de um bom ponto, e posteriormente por meio de recomendações e divulgações. No meio digital, os sites de lojas virtuais não possuem um “ponto” com grande tráfego para serem encontradas, e sim, precisam de tráfego qualificado direcionado para os sites, (geralmente através de anúncios em redes sociais ou mecanismos de buscas).

Todo esse processo pode ser trabalhoso ao montar uma loja virtual própria e gerar o tráfego necessário, mas as maiores lojas virtuais, tais como: Mercado Livre, Magalu, Americanas, Amazon e outras, já possuem uma quantidade enorme de tráfego qualificado para todas as demandas das categorias de produtos do site.

Essas lojas virtuais (Marketplaces), permitem que você possa colocar os seus produtos para vender através delas, onde você paga uma comissão a cada venda e apenas quando vender.

Para colocar os seus produtos e começar a vender, você precisa ter um CNPJ em situação regular e estar de acordo com as normas de cada uma dessas lojas virtuais, não sendo necessário criar uma própria loja. Você realiza o cadastro no nome da sua empresa, cadastra os seus produtos (incluindo descrições e fotos profissionais), e realiza os envios conforme a orientação do Marketplace nos prazos definidos, assim que o cliente realizar a compra e o pagamento.

Se você já possui uma loja ou empresa física e deseja começar a vender online, essa também é uma ótima opção, pois você pode utilizar da mesma estrutura que já possui e aproveitar do grande tráfego existente nas plataformas digitais para aumentar e melhorar as suas vendas.

É importante lembrar que vender nos Marketplaces não te impedirá de criar uma loja virtual posteriormente caso desejar, mas para iniciantes em vendas online, os Marketplaces podem ser menos custosos e com o potencial de alavancar as vendas de forma mais rápida.

Se deseja saber mais sobre os Marketplaces e seus custos envolvidos, você pode conferir em outro artigo da Hubsales clicando aqui.

O posicionamento no mercado digital e a precificação dos produtos

Dentro dos próprios Marketplaces, a plataforma fará o trabalho de anunciar os seus produtos (o que faz parte da comissão exigida por venda). A precificação e o mix de produtos então, deve ser analisada de acordo com cada plataforma para que você se posicione da melhor maneira, já que os preços de outros vendedores são facilmente visualizáveis.

Caso tenha dúvidas sobre os lucros das vendas nos Marketplaces, você também pode simular uma venda através do nosso simulador de vendas online, e analisar as porcentagens e lucros de alguns dos grandes players do mercado.

Acesse gratuitamente o simulador clicando aqui.

Equipe competente que facilita as suas vendas pela Internet

Começar a vender online pode ser muito mais fácil ao inserir os seus produtos nas maiores lojas virtuais que atuam no Brasil, mas ainda há todo o trabalho manual sobre os cadastros de produtos, descrições e as alterações a serem feitas em cada Marketplace individualmente quando necessárias.

A Hubsales pode facilitar muito a sua jornada de vender pela internet, e poupar todo o trabalho técnico de cadastros de produtos, elaboração de descrições, precificação, mix de produtos e ainda centralizar todo o gerenciamento de estoque e pedidos em um único lugar.

Fazemos tudo isso para você, de forma personalizada para cada plataforma.

Fale com um especialista Hubsales.

Categorias
Uncategorized

Vitrine virtual: o que é, como criar e quais suas vantagens e desvantagens

Ao oferecer os seus produtos, é importante direcionar os potenciais clientes para uma página específica e atraente da sua loja virtual própria, feita para mostrar as suas ofertas diretamente, o que levará para os cliques nos produtos e conversões em venda.

As vitrines virtuais são então a parte principal de uma loja virtual, criada para atrair os consumidores ao demonstrar os produtos de uma forma destacada com fotos chamativas, precificação clara, e muitas vezes acompanhados de outros elementos (como banners, e pop-ups). Preparamos esse artigo para você entender tudo sobre como criar uma vitrine virtual e todas as vantagens e desvantagens que ela pode proporcionar para o seu negócio.

Como criar uma vitrine virtual?

Assim como as vitrines de lojas físicas, as vitrines virtuais vão funcionar com o mesmo propósito de atrair o cliente e converter o interesse em venda, mas dentro da sua loja virtual. Na prática, é um site feito através dos serviços de uma plataforma de e-commerce, onde geralmente são vendidos planos mensais ou anuais para que o usuário utilize os serviços e ferramentas proporcionados pela plataforma e então, crie o site da loja.

Algumas plataformas não exigem um grande conhecimento técnico, e o carregamento de fotos e elaboração de descrições dos produtos também são feitos diretamente nessas plataformas. Normalmente, os custos iniciais envolvidos são os dos planos da plataforma, (com custos de ferramentas adicionais se necessário para o seu uso) e o valor do domínio de website desejado. Depois de pronto, você pode direcionar os clientes para o site da sua loja na parte principal da vitrine, ou nas páginas específicas de produtos quando algum for ofertado em anúncios.

Vantagens e desvantagens de uma vitrine virtual

O principal objetivo de uma vitrine virtual é concretizar a venda, consequência de uma visualização atrativa dos produtos. Entendendo esse ponto, as principais vantagens de uma vitrine virtual estão ligadas aos resultados da personalização do seu próprio canal de venda, maior presença digital ao vender em sua loja virtual e o aprimoramento da experiência que o cliente terá em sua loja, já que você poderá direcionar o consumidor para a parte do site que desejar.

A maior parte da estrutura da vitrine virtual pode ser alterada, e isso pode ser feito de forma alinhada com o seu público-alvo para uma comunicação mais clara no processo de venda e pós-venda da loja virtual. Ao vender através da vitrine, você estará presente em mais um canal de venda, e pode aumentar a percepção do seu público sobre a experiência que a sua empresa possui no meio digital. A implementação de uma vitrine virtual é algo que pode ser conciliado com a presença em Marketplaces (o que é recomendado, considerando que terá um maior potencial de alavancar as vendas nesses outros canais).

Apesar das vantagens, a vitrine virtual não terá um tráfego próprio já existente como nos grandes Marketplaces, e você precisará investir em tráfego pago através de anúncios para o público qualificado acessar o seu site (vitrine) e então buscar concretizar as vendas. Os anúncios se tornam o principal meio de geração de tráfego qualificado e requerem testes e investimento, pois o tráfego orgânico através de mecanismos de buscas (como o Google), somente se tornará relevante após um bom tempo de experiência e presença da sua loja virtual na Internet.

Os Marketplaces são lojas virtuais com um volume enorme de tráfego, e entre eles estão o Mercado Livre, Americanas, Magalu e outros que você pode cadastrar os seus produtos nas plataformas e pagar uma comissão a cada venda, utilizando do tráfego qualificado e possuindo um investimento menor do que a loja virtual. Você pode conciliar a presença nos Marketplaces com a sua loja virtual própria, mantendo as vendas funcionando em todos os canais sem problema algum, no nome da sua empresa. 

Você pode simular as porcentagens dos maiores players do mercado de Marketplaces e entender melhor o quanto irá lucrar com os seus produtos na nossa planilha com simulador de vendas gratuito. Clique aqui para baixar gratuitamente.

Alavanque as suas vendas utilizando nomes das maiores lojas do Brasil

A presença nos canais de vendas, seja vitrine virtual, Marketplace ou e-commerce, deve ser avaliada de acordo com os objetivos da empresa e a estratégia de comunicação. Porém, os Marketplaces demandam um investimento menor e oferecem uma ótima visibilidade para o seu negócio, em diferentes plataformas.

Se deseja iniciar a vender nos Marketplaces, a Hubsales pode te ajudar intermediando todo o processo de cadastro com as grandes plataformas (Magalu, Amazon, Mercado Livre, Americanas e outros), além de cadastrar todos os seus produtos, elaborar descrições personalizadas e centralizar toda a gerência de estoque para a sua loja. 

Nosso valor é acessível para todo porte de seu negócio.

Categorias
MarketPlace

Como fazer uma loja online e aumentar suas vendas

No mundo de hoje, ter uma loja online é fundamental, seja para uma marca de grande porte ou uma pequena fábrica. Mas é preciso saber como aparecer. São milhares de opções para os consumidores e se destacar é o grande segredo. 

Portanto, para ter sua loja online funcionando bem, você precisa seguir alguns passos. E nós da Hubsales estamos aqui para ajudar! Abaixo você terá dicas e sugestões para viabilizar seu e-commerce de maneira simples e prática. 

Loja Online Própria ou Marketplace?

O primeiro passo para a sua loja online é definir o modelo de venda. Há duas opções, você pode entrar em Marketplaces, que são plataformas grandes que vendem diversos produtos. Ou, então, criar uma loja própria

Uma loja própria te dará mais liberdade, mas vai exigir uma série de ações, como cobranças e segurança, e terá custos relativamente altos, especialmente na divulgação. 

Já a opção por um Marketplace, além de mais simples, apresenta custos iniciais bem menores.

É claro que há muito trabalho pela frente e você competirá com outras marcas no mesmo espaço, mas a maior exposição, o menor custo e a melhor rentabilidade compensam o esforço.

Além disso, seus produtos estarão em diversas lojas como a Magalu, a Americanas, o Mercado Livre e outros players importantes do mercado. 

Mas como eu entro em um Marketplace? E qual devo escolher? 

Já vamos explicar!

Como ter presença em Marketplaces

Os chamados Marketplaces são grandes lojas virtuais, como a Americanas por exemplo, que concentram uma infinidade de marcas dentro da mesma plataforma.

Estes portais deixaram de ser somente uma loja e passaram também a abrir espaços para fabricantes de todo o país, que podem vender seus produtos dentro da plataforma, mediante o pagamento de comissões. 

Então eu posso vender na Americanas?

A resposta é sim. Você precisa seguir alguns passos, como apresentar sua documentação e se credenciar, mas o Marketplace da Americanas é, definitivamente, uma opção para você, assim como vários outros.

Os passos para entrar em um Marketplace:

  • Se cadastrar através de formulários digitais;
  • Enviar sua documentação;
  • Ser aprovado e aceitar as condições;
  • Cadastrar seus produtos, de acordo com as regras de cada plataforma;
  • Monitorar suas vendas e seu desempenho;

Mas para entrar em vários Marketplaces eu preciso fazer este processo em cada um deles?

Não necessariamente. Calma que vamos explicar. 

Seus produtos nos maiores E-commerces do Brasil

Nós somos a Hubsales, pioneiros na integração de empresas e Marketplaces. Como o próprio nome indica, somos um hub que concentra todas as mais relevantes plataformas de venda online, e ajudamos as marcas a ter presença digital. 

Basicamente, nós realizamos todas as etapas para a sua marca entrar nos Marketplaces e ainda ajudamos na definição do seu mix de produtos, na descrição e no cadastro deles. E, ainda, ajudamos a melhorar sua performance e acompanhamos suas vendas. 

Quer saber mais sobre a Hubsales?  Fale com um especialista ou leia abaixo.

Conheça a Hubsales

Somos experts em integrar marcas aos principais Marketplaces do país. Realizamos todos os processos para facilitar sua entrada nos e-commerces, que vão desde a documentação e cadastro de produtos à gestão dos negócios e suporte no pós-venda. 

O que fazemos pelo seu negócio:

  • Documentação – Organização e centralização dos documentos necessários para entrar nos diversos Marketplaces;
  • Credenciamento – Contato com os e-commerces e acompanhamento de todo o processo de integração;
  • Cadastro de produtos – Auxílio nas informações e no cadastro de seus produtos nas lojas;
  • Centralização de informações – Você acompanha todas as suas vendas em um só espaço;
  • Gestores em todos as áreas – Em cada etapa, você tem a assessoria de um gestor que vai auxiliar a maximizar sua performance;
  • Suporte – Acompanhamento de todos os processos de venda, como embalagem, etiquetagem, emissão de nota e muito mais;

Agora que você já conhece um pouco mais da Hubsales, fale com um especialista e receba uma proposta. 

Categorias
MarketPlace

E-commerce é a única forma de vender online?

O e-commerce é uma plataforma de vendas que vem ganhando cada vez mais adeptos devido à oportunidade que esse canal pode proporcionar aos vendedores, mas é interessante saber que existem outras formas de comércio online que também podem ser muito vantajosas.

O ambiente virtual é um excelente meio para quem deseja manter suas vendas e até mesmo expandi-las, pois há uma enorme possibilidade de visibilidade e alcance do público desejado.

Pensando nisso, o e-commerce, por exemplo, é uma das formas de vender no digital e que ganha mais popularidade a cada dia.

Mas afinal, o que é um e-commerce? Na tradução, significa comércio eletrônico. Essa é uma forma de comércio, onde as empresas vendem por meio de lojas próprias. Sendo possível vender coisas de todo tipo, como: eletrônicos, vestuário, alimentício, etc.

Bastando então, a loja possuir uma página dentro da plataforma de e-commerce, assim, o consumidor pode realizar suas compras de maneira fácil e rápida, de forma online.

Mas apesar de tamanha oportunidade que esse canal representa, existem outras formas de vender online que podem ampliar essas possibilidades, de maneira muito vantajosa para os comerciantes.

A seguir, vamos te explicar um pouco mais sobre isso.

Existem outras formas de vender online além do e-commerce?

Além do e-commerce, há uma outra alternativa de vendas online muito conhecida e com grande relevância, que são os Marketplaces.

Esse tipo de canal de comércio, se trata de lojas virtuais que disponibilizam seu espaço e estrutura para que outros vendedores possam vender seus produtos, exemplo disso é a Americanas Marketplace e o Mercado Livre.

E para que isso aconteça, em troca, a loja cadastrada paga uma comissão sobre essas vendas realizadas no Marketplace.

Nesse tipo de canal, não é necessário investir tanto em publicidade, pois o alcance que essa plataforma já possui acaba gerando essa oportunidade de visibilidade.

Ou seja, você consegue aproveitar esse espaço, e pode conseguir mais facilmente que o cliente que ali transita, compre de você.

Nos Marketplaces, o consumidor tem a possibilidade de identificar quais lojas apresentam os melhores preços, avaliações e prazo de pagamento, e assim, escolha o que melhor lhe atender.

Além dessa oportunidade mais abrangente de venda, esse tipo de plataforma possibilita que o vendedor que não deseja investir na criação de uma loja virtual, consiga ainda assim, ter o seu negócio no meio digital.

E no caso de quem já possui um e-commerce, conseguir expandir seu espaço de venda, podendo conquistar ainda mais clientes.

Mas tenha você um e-commerce ou não, você deve estar se perguntando como ingressar ao Marketplace, certo?

A seguir, nós te mostraremos como isso pode ser muito mais simples do que você imagina.

Conectando sua empresa de forma automatizada aos principais marketplaces do país

Ingressar ao meio digital pode ser um grande desafio para algumas empresas que muitas vezes não sabem por onde começar, como realizar uma integração, ou até mesmo criar um cadastro de produto.

Pensando nisso surgiu a HubSales, um hub que faz integrações com vários marketplaces e um suporte de assessoria a todos esses canais, desde a intermediação do contrato entre sua empresa e as plataformas digitais, definição do mix de produtos, melhoria na descrição e cadastro deles, até o acompanhamento e gerenciamento da performance de vendas.

Caso você esteja iniciando no mundo dos Marketplaces, ou sequer tenha uma presença neles, a  Hubsales irá focar em acelerar as suas vendas e o seu aprendizado.

E se você já vende em Marketplaces, a Hubsales assumirá todo o serviço, lhe auxiliando em escalar as vendas e permitindo que você  foque no que realmente é importante: vender.

Percebeu como ter o seu negócio no mundo virtual pode ser muito mais simples e prático?

Para realizar essa missão, você pode contar com todo o auxílio necessário da Hubsales, que cuidará de todas as etapas desse processo. Sendo assim, você contará com organização de documentação, credenciamento, assessoria, integração, monitoramento, suporte e muito mais.

Não espere mais para deixar o seu negócio muito mais visível e ao alcance do seu público! 

Categorias
MarketPlace

Entenda a diferença entre Marketplace, e-commerce e vitrine virtual

O jeito de comprar atualizou, e as lojas online estão cada vez mais presentes na vida e no gosto dos consumidores e abrangem diversos segmentos, como cosméticos, eletrônicos, esportivos, vestuário, entre muitos outros. E nesse cenário, essas lojas estão constantemente passando por mudanças, melhorias e adquirindo ainda mais modernidade e expansão.

Muitos empreendedores, se deparam com diferentes tipos de canais de venda, como os marketplaces, e-commerces e vitrines virtuais, e não sabem exatamente qual a diferença entre eles e qual escolher. A seguir, vamos te explicar quais são as características de cada um e suas principais diferenças.

O que são Marketplaces?

Os marketplaces são plataformas online que reúnem diversos produtos de diferentes lojas, como uma espécie de shopping, ou uma grande vitrine, onde as empresas expõem seus produtos. Esse tipo de comércio conta com vantagens como: baixo custo de investimento, visto que para vender através dele é necessário apenas negociar a comissão que será paga a ele por cada venda realizada. Além de proporcionar muita visibilidade, uma vez que o acesso a essas plataformas é feito a todo momento.

O que são E-commerces?

Os e-commerces são lojas online, onde a marca é quem vende seus produtos, cuida de todas as etapas do processo, desde a compra até a entrega, ou seja, o item vendido vem diretamente dessa empresa; do seu próprio estoque. Mas claro, dentro desse processo, há a possibilidade de realizar a terceirização de algum serviço.

O que são Vitrines Virtuais?

As vitrines virtuais (ou lojas virtuais) tratam-se exatamente do site de um vendedor. Nela, estarão expostos todos os produtos à escolha do cliente. É realmente uma espécie de vitrine, onde o item é visualizado, escolhido, colocado no carrinho e depois a compra é finalizada. 

E quais são as diferenças entre eles?

Observamos então, que existem diferentes propostas em cada um desses canais. O e-commerce exige mais investimento, como mão de obra e logística, em contrapartida, os lucros não precisam ser divididos entre intermediários. Ou seja, ele é um comércio online de uma marca em específico. Diferentemente, o Marketplace evita certos custos operacionais, uma vez que é apenas um ambiente onde lojas e clientes se conectam, além de exigir menos investimento em marketing, por exemplo, já que a visibilidade se torna mais abrangente. E ambos se diferem também da vitrine virtual que exige uma boa logística, grande quantidade de produtos, e necessita de chamar bastante atenção para si, melhor dizendo, precisa de bastante investimento em SEO e estratégias de posicionamento para ser encontrada na internet. Mas, apesar disso, ela pode ter custos mais baixos, visto que o investimento feito na mesma, retorna para o negócio.

Sendo assim, cada uma dessas opções citadas, possuem a sua particularidade e possuem diferentes benefícios, que devem ser avaliados de acordo com o perfil e objetivo da empresa, considerando aquilo que a atende melhor. Mas e aí, qual (ou quais) plataformas a sua empresa escolheu? Você ainda tem dúvidas de como melhorar as suas estratégias e vendas nessas plataformas?

Como a Hubsales pode te ajudar nisso

Com a Hubsales sua única preocupação será com as entregas. Nós fazemos o restante para a sua empresa. Além de intermediar os contratos e integrar todos os Marketplaces com gestão de estoque e precificação centralizada, nós também realizamos todas as descrições personalizadas de cada item, cadastros de produtos, auxiliamos na definição de mix de produtos e em todos os maiores processos operacionais para você, com planos acessíveis para todos os portes de negócios. Nós também conectamos seus produtos nos maiores e-commerces do Brasil, otimizando tempo e processos do seu negócio. Gostou dessas inúmeras soluções que a Hubsales traz para a sua empresa?

Agende uma conversa e fale com um de nossos especialistas.